Plano para retomada do turismo é lançado em Extrema

Atividades poderão ser retomadas, de forma gradual, monitorada e por etapas, mediante cumprimento de protocolos de segurança, conforme explica a secretária de Turismo, Ana Paula Odoni

 

O Plano de Controle da Retomada do Turismo de Extrema foi lançado pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Turismo e Conselho Municipal de Turismo (Comtur). Organizado por setores, o plano apresenta ações e procedimentos mínimos necessários para garantir a segurança dos colaboradores, turistas e visitantes durante o período da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Poderão ser retomadas, de forma gradual, monitorada e por etapas, mediante cumprimento dos protocolos de segurança estabelecidos no Decreto nº 3.814 de 25 de junho de 2020, das demais normas vigentes e mediante assinatura do Termo de Responsabilidade Sanitária, as seguintes atividades turísticas em Extrema: meios de hospedagem; atrativos turísticos; transporte turístico; agências de viagens e operadoras; alimentação fora do lar; e eventos em espaços turísticos.

Visando a recuperação do setor no município também foram lançados os selos “Turismo Seguro” para os empreendimentos turísticos e “Produto Legal” para os trabalhos artesanais da Produção Associada ao Turismo de Extrema. O objetivo é comunicar claramente o compromisso de garantir que as atividades e produtos atendem aos requisitos de limpeza e segurança sanitária.

“O plano foi organizado em duas linhas de ações: 1 – segurança sanitária e 2 – comunicação e marketing. E estruturado em quatro etapas de reabertura. Neste momento, estamos na etapa 1 – adesão aos selos de segurança sanitária com assinatura de Termo de Responsabilidade, redução da capacidade dos serviços de hospedagem e alimentação para 50% e readequação dos protocolos de segurança sanitária. Nesta fase não será realizado marketing para atração de turistas e visitantes. A etapa 1 é o momento de adequação do setor para a reabertura que iniciará efetivamente a partir da etapa 2, quando, com capacidade reduzida, os atrativos e serviços turísticos reabrirão”, explicou a secretária de Turismo, Ana Paula Odoni.

Os protocolos de segurança estabelecidos no Decreto Municipal nº 3.814 dizem respeito a diversas medidas, como, por exemplo, disponibilização de sabonete líquido, toalha de papel e álcool gel 70%; máscaras; medidas de distanciamento social de dois metros; averiguação da temperatura; ambientes bem ventilados, entre outras obrigações.

“Com estas ações estabelecemos procedimentos mínimos necessários para garantir a segurança dos colaboradores, dos turistas e gerar renda mínima aos empreendedores turísticos, a fim de que consigamos manter os negócios durante a pandemia”, consta no documento.

É importante ressaltar que a progressão ou regressão do processo de reabertura do turismo é uma deliberação do Comitê Municipal Covid-19 em conjunto com o Conselho Municipal de Turismo, condicionada à evolução do contágio no município e nos principais polos emissores de turistas.

O Decreto Municipal do Plano de Controle da Reabertura do Turismo de Extrema, detalhando todas as etapas de funcionamento de cada atividade turística e orientando sobre os procedimentos para recebimento dos selos, e o Termo de Responsabilidade estão disponíveis no link: https://bit.ly/2NS3cxa.

Selo Turismo Seguro para os empreendimentos turísticos

Selo Produto Legal para a Produção Associada ao Turismo

 

 

Imagens: Secretaria de Turismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.