Oftalmed

A Oftalmed possui uma equipe (Dr. Fernando, Dr. Guilherme, Dr. Felipe, Dr. Décio, Dr. Vinicius e Dr. José Toledo) altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia.

Oftalmed alerta para prevenção de problemas na visão durante o carnaval

O tão aguardado carnaval está se aproximando. Os foliões já estão preparando as suas fantasias e maquiagem para cair na folia. Porém, para que a festa não acabe antes da hora, é necessário tomar alguns cuidados. Os olhos, por exemplo, podem ficar danificados. Além do crescente número de casos de infecções, como a conjuntivite, devido às aglomerações, muita maquiagem ou de má qualidade e sprays de espuma podem ocasionar contaminação por agentes biológicos e químicos, e, consequentemente, blefarite (inflamação das pálpebras), terçol e alergias. Para quem usa lente de contato, o risco é ainda maior.

Sombras com glitter ou purpurina e lápis de olho podem lesar a superfície ocular, se acomodar nas pálpebras ou obstruir os orifícios das glândulas de meibomius, causando problemas na visão. Por isso, a Clínica de Olhos Oftalmed recomenda o uso moderado de maquiagem, produtos de boa qualidade e dentro do prazo de validade, além de limpeza minuciosa do rosto e olhos após o final do evento.

Assim como a maquiagem em excesso, o spray de espuma, muito utilizado no carnaval, também gera riscos para a saúde dos olhos. Basta um jato para que lesões possam ocorrer, pois o produto possui substâncias químicas como o poliuretano, cocobetaína e resina, e gás butano para o efeito de spray.

Serpentinas, confetes e outros artifícios usados durante a folia também machucam os olhos. Então, para se proteger ainda mais, além de preservar o olho dos raios solares, uma boa dica é utilizar óculos de sol (com proteção UVA e UVB) nas festas realizadas durante o dia.

Caso algum produto atinja os olhos, a recomendação da Oftalmed é que o folião lave imediatamente o local apenas com água filtrada, sem esfregar. Se ainda assim a dor, vermelhidão ou incômodo permanecer, é essencial procurar um oftalmologista para avaliar o paciente. A Oftalmed desaconselha a automedicação, como utilização de colírio, por exemplo, pois há risco de complicar ainda mais a situação.

A Clínica de Olhos Oftalmed possui uma equipe altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia e com o que há de mais moderno e atualizado. Os profissionais do consultório são especialistas pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e compõem o quadro de professores e assistentes das melhores faculdades de medicina do Brasil. São eles: Dr. Fernando Martins de Oliveira, Dr. Felipe Cortizás Ré Martins, Dr. Guilherme Murrer e Dr. Décio Dji Sadatsune.

O consultório funciona dentro da Clínica de Especialidades Neo Vida, na Avenida Brasil, 36, Centro de Extrema. Agendamento de consultas e outras informações pelo telefone: (35) 3435-2655; Whatsapp: (11) 94385-7011. Para conhecer mais sobre o trabalho da equipe, acesse: www.clinicaoftalmed.com.br.

Oftalmed alerta sobre os cuidados com a visão na semana do Dia Mundial do Diabetes

Na semana do Dia Mundial do Diabetes, celebrado na última quinta-feira, dia 14 de novembro, a Clínica de Olhos Oftalmed aborda o assunto, já que a doença é a principal causa de cegueira em pessoas em idade produtiva devido a complicações na retina. Trata-se da retinopatia diabética (RD), causada por danos aos vasos sanguíneos no tecido da parte do fundo do olho (retina) em função da glicemia mal controlada. Essa situação pode levar a uma perda parcial ou total da visão.

Em todo o mundo, mais de 425 milhões de pessoas têm diabetes. No Brasil, esse número é de 13 milhões, o equivalente a 6,9% da população. O país ocupa o quarto lugar no ranking mundial de maior número de diabéticos, segundo o International Diabetes Federation (IDF), ficando atrás apenas da China (114 milhões), Índia (quase 73 milhões) e dos Estados Unidos (30 milhões).

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), diabetes é uma doença crônica na qual o corpo não produz insulina ou não consegue empregar adequadamente a insulina que produz. Insulina é um hormônio que controla a quantidade de glicose no sangue. Quando o nível de glicose fica alto e permanece assim por longos períodos, pode haver danos em órgãos, vasos sanguíneos e nervos. Segundo estudo feito pela Universidade de São Paulo (USP), 77,2% dos brasileiros com diabetes tipo 2 não aderem ao tratamento, gerando sérias complicações, entre elas a retinopatia diabética.

Geralmente, a RD não apresenta sintomas nos estágios iniciais. Os primeiros sintomas incluem moscas volantes, borrões, áreas escuras na visão, dificuldade de distinguir cores, visualização de pontos, visão distorcida ou visão embaçada. Os pacientes também podem observar vasos sanguíneos novos e anormais ou vazamento de líquido dos vasos.

É possível tratar casos leves de retinopatia diabética com um controle cuidadoso do diabetes. Já os casos avançados podem necessitar de tratamento a laser e cirurgia. Em caso de suspeita de RD, procure com urgência um oftalmologista, para que este faça um diagnóstico preciso e a indicação do melhor tratamento.

A Clínica de Olhos Oftalmed possui uma equipe altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia e com o que há de mais moderno e atualizado. Os profissionais do consultório são especialistas pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e compõem o quadro de professores e assistentes das melhores faculdades de medicina do Brasil. São eles: Dr. Fernando Martins de Oliveira, Dr. Felipe Cortizás Ré Martins, Dr. Guilherme Murrer e Dr. Décio Dji Sadatsune.

O consultório funciona dentro da Clínica de Especialidades Neo Vida, na Avenida Brasil, 36, Centro de Extrema. Agendamento de consultas e outras informações pelo telefone: (35) 3435-2655; Whatsapp: (11) 94385-7011. Para conhecer mais sobre o trabalho da equipe, acesse: www.clinicaoftalmed.com.br.

“Me sinto honrado em fazer parte do ensino de novos oftalmologistas”, Dr. Fernando conta como é ser docente

Na última terça-feira, 15 de outubro, foi o Dia dos Professores, e na última sexta-feira, 18 de outubro, foi o Dia do Médico. Os professores são fundamentais na vida de todos nós, e os médicos também. Um nos alfabetiza, e muitas vezes acaba fazendo parte da nossa vida pessoal, assim como os médicos, que com tanto carinho, amor e dedicação cuidam da nossa saúde. Alguns profissionais são professores e médicos, e é o caso dos Doutores da Clínica de Olhos Oftalmed.

A Clínica possui quatro médicos: Dr. Fernando Martins de Oliveira, Dr. Felipe Cortizás Ré Martins, Dr. Guilherme Murrer e Dr. Décio Dji Sadatsune. Dr. Fernando, DR. Felipe e Dr. Guilherme são docentes na Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), e dão aulas de oftalmologia no setor de catarata, transmitindo seus conhecimentos para médicos residentes e estudantes de medicina.

O Dr. Fernando Martins de Oliveira, que é professor de oftalmologia e chefe do setor de catarata, nos contou um pouco sobre ser docente: “me sinto muito honrado em fazer parte do ensino de criar novos médicos, novos oftalmologistas. Eu gosto de ensinar, e é gratificante passar meu conhecimento para uma pessoa que, no futuro, possa ser um profissional melhor do que eu, meu objetivo é esse”.

Na oftalmologia existem diversas especialidades, assim como em outras áreas da medicina, algumas delas são: glaucoma, catarata, retina, oftalmopediatria, estrabismo, córnea, tumor, ultrassom, entre outros.

Como docente no setor de catarata, o Dr. Fernando explica que ela é muito comum em idosos. A Clínica de Olhos Oftalmed possui tratamentos para astigmatismo, catarata, cirurgia refrativa, hipermetropia, miopia e retina. A Oftalmed realiza atendimentos de alta qualidade e zela pelo bem-estar de cada paciente – dentro e fora do consultório.

Agende sua consulta com a Clínica de Olhos Oftalmed, que possui unidades em Extrema (MG), São Caetano do Sul (SP) e Santo André (SP). Telefones: (11) 4224-6615 e (35) 3435-2655. Whatsapp: (11) 94385-7011.

A Oftalmed possui uma equipe altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia. A unidade de Extrema já realizou mais de 50 mil consultas – neste município o consultório funciona dentro da Clínica de Especialidades Neo Vida, na Avenida Brasil, 36, Centro.

 

 

Fotos: Divulgação

Da infância à adolescência: Oftalmed explica o que os pais precisam saber sobre a visão

Desde cedo, é muito importante tomar cuidado com o que e como os olhos das crianças enxergam. Isso porque algumas precauções simples podem evitar problemas complexos e assegurar uma visão mais saudável ao longo da vida.

Até os 10 anos de idade

O interesse pela TV e pelo celular começa cedo, assim como as habilidades para usar tais aparelhos. Infelizmente, temos visto cada vez mais o uso desregrado dessas tecnologias acarretar em sintomas, como vermelhidão, irritação, coceira, cansaço e olho seco.

O que os pais precisam saber sobre a visão

Algumas medidas simples ajudam a prevenir tais desconfortos, como pausas de um a cinco minutos a cada hora em frente ao equipamento, afastar o foco de luz dos olhos, manter o ambiente iluminado e reduzir o brilho das telas.

Vale lembrar! Antes que a criança apresente alguma queixa, a rotina de visitas ao oftalmologista deve começar a partir dos dois anos de idade, quando é possível examinar com mais precisão e saber como o pequeno enxerga.

10 a 20 anos

É nessa fase que o desenvolvimento do sistema ocular alcança maturidade e pode dar indícios de alguma alteração. Na adolescência, o mau rendimento na escola e as queixas sobre os olhos, visão embaçada, dor de cabeça, entre outras, merecem atenção especial e uma visita ao oftalmologista.

O uso regrado dos óculos de grau ajuda a dar mais conforto visual, além de proporcionar melhor visão. Durante a exposição ao sol, também é preciso saber a importância de bons óculos para se proteger contra os raios ultravioletas.

A periodicidade de consultas ao oftalmologista é ainda mais importante nessa fase da vida, já que na fase de crescimento, também há crescimento dos olhos e frequentes alterações do grau como consequência.

Agende sua consulta com a Clínica de Olhos Oftalmed, que possui unidades em São Caetano do Sul e Santo André, em São Paulo, além de Extrema, em Minas Gerais. Telefones: (11) 4224-6615 e (35) 3435-2655. Whatsapp: (11) 94385-7011.

A Oftalmed possui uma equipe (Dr. Fernando, Dr. Guilherme, Dr. Felipe, Dr. Décio, Dr. Vinicius e Dr. José Toledo) altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia. A unidade de Extrema já realizou milhares de consultas, na Clínica de Especialidades Neo Vida, Avenida Brasil, 36, Centro.

Clínica de Olhos Oftalmed alerta para doença causada por diabetes

A Clínica de Olhos Oftalmed alerta para a retinopatia diabética (RD), causada por danos aos vasos sanguíneos no tecido da parte do fundo do olho (retina) devido à glicemia mal controlada. Essa situação pode levar a uma perda parcial ou total da visão. Em todo o mundo, mais de 425 milhões de pessoas têm diabetes. No Brasil, esse número é de 13 milhões.

“A doença acontece em quase todos os diabéticos e sem sintomas, a pessoa não percebe, mas tem um risco muito grande de ficar cego, por isso todo diabético precisa passar em consulta com um oftalmologista regularmente”, destaca a equipe Oftalmed.

Geralmente, a RD não apresenta sintomas nos estágios iniciais. Alguns sinais geralmente tardios podem incluir moscas volantes, borrões, áreas escuras na visão, dificuldade de distinguir cores, visualização de pontos, visão distorcida ou visão embaçada. Os pacientes também podem observar vasos sanguíneos novos e anormais ou vazamento de líquido dos vasos.

Existem dois tipos de RD: a exsudativa, que acontece quando as hemorragias e as gorduras afetam a mácula, necessária para a visão central, ou seja, usada para a leitura; e a proliferativa, que tem início quando a doença dos vasos sanguíneos da retina progride, causando a proliferação de novos vasos anormais, conhecidos como neovasos.

É possível tratar casos leves de retinopatia diabética com um controle cuidadoso do diabetes. Já os casos avançados podem necessitar de tratamento a laser e cirurgia.

Em caso de suspeita de retinopatia diabética, procure com urgência um oftalmologista, para que este faça um diagnóstico preciso e a indicação do melhor tratamento. A Clínica de Olhos Oftalmed possui uma equipe altamente capacitada e oferece os melhores tratamentos para os olhos, trabalhando em todas as áreas da oftalmologia.

A Oftalmed atua com o que há de mais moderno e atualizado, desde exames clínicos e complementares, consultas básicas para troca de óculos, por exemplo, até um tratamento específico e inovador. Os profissionais do consultório são especialistas pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e compõem o quadro de professores e assistentes das melhores faculdades de medicina do Brasil.

O consultório funciona dentro da Clínica de Especialidades Neo Vida, na Avenida Brasil, 36, Centro de Extrema. Agendamento de consultas e outras informações pelo telefone: (35) 3435-2655. Para conhecer mais sobre o trabalho da equipe, acesse: www.clinicaoftalmed.com.br.

Gazeta da Cidade © 2014 | Todos os direitos reservados